Close

Arquivos Mensais: janeiro 2015 [f2015Fri, 30 Jan 2015 17:27:10 +000001pm312015 30America/Sao_Paulo 30pm31pm 30201510 pmFri, 30 Jan 2015 17:27:10 +0000q00000027v201510 01America/Sao_Paulo110pm2710]

Iracema voou

Se ela soubesse o que aconteceria, teria ido ao salão de beleza para arrumar os cabelos e as unhas. Também teria comprado um vestido novo e um pouco mais decotado que esse que estava usando no momento em que caiu acidentalmente do trigésimo quinto andar, tentando alcançar a folha de papel que o vento levantou […]

30 de janeiro de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos Iracema, queda livre

Ler Mais

Contos Mínimos # 221 a 230

221. O bebê dorme no banco traseiro do carro estacionado na rua. Sozinho. As janelas estão fechadas. São três da tarde de um dia quente de verão, sol a pino. 222. Eles eram um casal perfeito. Amavam-se em todas as despedidas e se odiavam nos intervalos. 223. – Quantas vezes por dia você sonha? – […]

29 de janeiro de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos Minímos contos, mínimos

Ler Mais

Dúvidas

Ela estava a minutos de ir para a igreja e ainda tinha dúvidas. Seu coração estava cheio delas. Olhou-se no espelho e o que viu a deixou desalentada: os sapatos apertavam, o penteado não lhe caía bem, o vestido branco estava largo e a deixava gorda. Não, não, mil vezes não. A mãe tentava animá-la: […]

27 de janeiro de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos dúvidas, noiva, noivo

Ler Mais

O sagrado matrimônio

Quando ficamos definitivamente fartos um do outro, minha esposa e eu decidimos dormir em quartos separados. No começo isso pareceu suficiente, já que eu não tinha que dormir nem acordar olhando para aquela cara que tanto fastio me provocava. Ela devia pensar o mesmo de mim. Mas o problema permanecia quando nos encontrávamos no corredor, […]

26 de janeiro de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos bobes, casa, esposa, matrimônio

Ler Mais

Não é fácil!

– Amanhã vai ter chuva. – Ei, não diga isso! – Foi o que anunciou o homem do tempo na televisão. – Mas amanhã é sábado e é nosso dia de folga. Não havíamos combinado que o sol ia brilhar o dia todo? – Pois é, mas parece que vem uma frente fria do Atlântico […]

25 de janeiro de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos nuvem

Ler Mais

Agora tudo ficou mais simples

Agora tudo ficou mais simples: você não está.   Então, que diferença faz se o sábado cair numa segunda-feira, se a noite virar dia, ou se fizer frio em fevereiro? Tanto faz. Tanto faz comer como não comer, dormir ou passar as noites vendo o dia começar.   Que são a lembrança e o esquecimento […]

24 de janeiro de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Poesia simples

Ler Mais

A volta

– Eu disse a você para não voltar aqui. – É verdade. – Que nem pensasse em colocar os pés nesta casa novamente. – Certo. – Que se você aparecesse de novo, eu atearia fogo em você. – Sem dúvida nenhuma. – Que eu preferia morrer a viver um só minuto a mais com a […]

23 de janeiro de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos reconciliação, volta

Ler Mais

O aniversário

Não se incomode com nada, senhor. Já cuidamos de todos os detalhes. A decoração da sala já está pronta, o bolo com as cinquenta e oito velas, os docinhos e os salgadinhos – tudo de acordo com seus desejos. O serviço de bufê começará no horário marcado e tenha a certeza de que será uma […]

22 de janeiro de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos aniversário

Ler Mais

Tenho 130 anos

  Tenho 130 anos e estou muito cansado. Levo um peso nos ombros e ele dói. É por isso que ando curvado, não por ter 130 anos.   Ter 130 anos é nada, o que minhas retinas contemplaram é tudo, assim como é tudo o que minhas mãos tocaram, a terra em que depositei meus […]

20 de janeiro de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Poesia 130 anos

Ler Mais

Tensão no táxi

Eu a levei a vários lugares durante horas; foi minha única passageira naquele dia. Quando saltava do carro, pedia, por favor, que a esperasse, ela não demoraria. Duvidei da primeira vez, mas acabei cedendo. Esperei. Ela voltou. Subiu no táxi e pediu que a levasse a outro endereço. E assim foi durante todo o dia. […]

17 de janeiro de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos táxi, tensão, voz

Ler Mais

O mundo fala

Ei, você, apure os ouvidos e escute o que o mundo repete o dia inteiro:   A vida é breve!   Você nada tem em comum com as plantas, que geram novos ramos logo depois de podadas.    

16 de janeiro de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Poesia breve, mundo, plantas, vida

Ler Mais

Contos Mínimos # 211 a 220

211. Hoje de manhã, na frente do espelho, descobri as primeiras rugas em minhas palavras. E talvez haja também um pouco de artrite. Doem. 212. Todas as noites as estrelas piscam ansiosas e se consomem de inquietação. Não conseguem esperar tanto tempo pelo cometa, o macho que só passa de tempos em tempos. 213. “Aqui […]

15 de janeiro de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos Minímos contos, mínimos

Ler Mais

Instruções para entender o mundo

Possuir um amigo em Israel e outro na Palestina, um primo na Venezuela e um tio na China. Morar no Brasil e sonhar com a Suíça. Cantar uma canção em inglês, comer sushi com macarrão e pão francês.   Comprar um globo terrestre, desses que se usam nas escolas, e olhar muito para ele enquanto […]

14 de janeiro de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Poesia entender, globo, mundo

Ler Mais

Desenho animado

Sentadinhos no chão, na frente da TV, os três pequenos escutam os gritos que vêm do quarto ao lado e se olham com aflição. Voltam a olhar para a tela. Lá, o gato e o rato continuam a divertida perseguição. Assustam-se com o barulho de uma porta que bate. Ouvem o choro da mamãe. Fazem […]

Ler Mais

Filosofia no distrito policial

Diógenes abriu a porta da delegacia e entrou solenemente, tal qual se entra numa igreja. Parou na frente da mesa do delegado, ajeitou o paletó surrado, arrumou o cabelo com cuspe e disse, com a voz enrolada cheirando a tabaco e a cachaça: – Estou aqui para me entregar porque acabo de assassinar um homem. […]

Ler Mais

Morrer na televisão

O corpo do menino atropelado estava caído no asfalto, sob um cobertor. Em volta dele as pessoas se aglomeravam, aguardando a chegada da polícia e da ambulância. O sol do meio-dia cozinhava as cabeças que se erguiam para olhar o resultado de mais uma imprudência no trânsito da cidade. O motorista sumira sem prestar socorro, […]

Ler Mais

O homem na sarjeta

Um cachorro sujo e com o pelo todo enrolado está sempre ao lado dele. Os dois passam os dias ali, na sarjeta. Quando chove, vão para debaixo de uma marquise e se acomodam em pedaços de papelão. Às vezes algum passante joga uma moeda. Ele pega e não agradece. Esqueceu-se das palavras. Há meses não […]

7 de janeiro de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos cão, homem, pai, sarjeta

Ler Mais

Os inocentes

Marcelinho, preste atenção, sou sua irmãzinha mais velha e você tem que me obedecer, ouviu? Antes que o papai volte, nós dois precisamos limpar a cozinha e o banheiro. Hoje ele virá mais cedo, e jantaremos juntos. Vamos aproveitar para pedir desculpas a ele pelos móveis quebrados e pela bagunça na sala. Quando estivermos comendo […]

Ler Mais

Viver e morrer no picadeiro

Ah, como surpreender o público uma vez mais? Isso é o que nós, artistas de circo, nos perguntamos o tempo todo. Como conquistar o aplauso e a admiração dessa plateia exigente e sedenta de novidades? O palhaço, o acrobata, a bailarina, o engolidor de facas, o domador: ser perfeito na execução de sua arte já […]

Ler Mais