Close

Arquivos Mensais: abril 2015 [f2015Thu, 30 Apr 2015 19:20:36 +000004pm302015 30America/Sao_Paulo 30pm30pm 30201536 pmThu, 30 Apr 2015 19:20:36 +0000q00000020v201536 04America/Sao_Paulo436pm2036]

O jantar de Natal

Todos tomaram seu lugar à mesa. A mãe trouxe da cozinha uma travessa fumegante de carne assada com batatas e outros legumes, que soltava um aroma delicioso de temperos e ervas finas. Nos últimos tempos tinham se acostumado a sempre comer batatas, porque estavam com um preço mais acessível. Já a carne era um manjar […]

30 de abril de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos comida, jantar

Ler Mais

Balada do homem honesto

Era uma vez um homem. Honesto, limpo, decente e trabalhador. Constante. Desprendido. Não bebia. Não fumava. Não jogava. Pagava seus impostos. Não sonhava. Abria portas para todos com gentileza. Fechava os olhos quando rezava. Nunca deu motivos para que duvidassem de sua reputação e nunca questionou a reputação de outrem. Jamais foi pego dormindo no […]

29 de abril de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos homem, honesto

Ler Mais

Poema do avesso

Quero que mil exércitos invadam teu país e aniquilem tua gente. Se preciso for, alisto-me num deles e mato tua família (um tiro para cada um): mato teus pais, teu marido e tua irmã. Destruo tua casa, teu bairro, tua cidade, incendeio tuas terras e tudo o que te pertence para que não te reste […]

28 de abril de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Poesia bandeira, lutar

Ler Mais

Coração materno: estorvo e devoção

Estorvo Como precisasse trabalhar fora, passava muito tempo longe da filha pequena. Para compensar tanto abandono, a mamãe zelosa deu à criança uma boneca enorme, dessas que falam, levantam os bracinhos, dão risada, mexem a cabeça e até andam. Teve o cuidado de gravar mensagens com sua voz no mecanismo do brinquedo para se comunicar […]

Ler Mais

Diferente

Desde que nasci moro num hospital. Nunca conheci outra casa. E, além de minha mãe, as únicas pessoas que me visitam são os médicos e as enfermeiras. Eles nunca me deixam sair do quarto, mesmo que eu diga que estou bem e que nada me dói. Olho pela janela e vejo o jardim, o sol […]

25 de abril de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos diferente, menino

Ler Mais

Medo

Saiu correndo para a rua, empurrou seu medo contra uma parede e tentou sufocá-lo apertando seu pescoço. – Me deixe em paz, suma da minha vida! – gritou. – Nunca! – disse o medo. Ele disparou rua abaixo, com a voz do medo ainda em seus ouvidos: Onde você vai? Está fugindo do quê? No […]

24 de abril de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos medo

Ler Mais

Salomão

Nesta cidade esquecida do mundo há muito tempo as cegonhas não aparecem. Decerto preferem sobrevoar locais mais povoados e deixar lá a mercadoria que levam pendurada no bico. Isso é o que parece, mas eu não perco a esperança. Por um descuido, pode ser que uma delas deixe cair aqui um desses embrulhinhos delicados. Na […]

23 de abril de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos amor, bebê, cegonha, metade

Ler Mais

Companhia

No dia do meu aniversário ganhei um passarinho de presente. Para que lhe faça companhia, disseram. Não fiz muito caso, pois não queria ter um passarinho, mas concluí que foi um presente bem melhor que as panelas, os vasos e os panos de prato que costumava receber nos anos anteriores. O passarinho, uma espécia bonita […]

22 de abril de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos companhia, passarinho

Ler Mais

A luta desigual

Todas as manhãs o menino verifica, desolado, que seu castelo de areia foi destruído pelas ondas. Quando chega à praia vê que nada existe além de um monte de areia sem forma. Sua arte foi tragada pelo mar, e deve estar agora em algum canto escuro e frio daquela imensidão azul. Com paciência e dedicação, […]

20 de abril de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos areia, castelo, luta, mar

Ler Mais

Algo mudou

A chuva cai com idêntico barulho sobre o telhado de todas as casas da rua, mas não é a mesma coisa. As calçadas do bairro estão molhadas de igual forma, o som ensurdecedor do tráfego chega até meu quarto, e ainda assim tudo parece distinto. Faz dois dias que voltei à cidade, depois de uma […]

19 de abril de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Prosa Poética eu, janela, rosto

Ler Mais

Contos Mínimos # 281 a 290

281. Ouvi dizer que existe uma vida melhor, mas é mais cara. 282. Os médicos não têm dúvida de que se trata de uma nova doença. Na verdade, uma epidemia. É como um vírus: está em toda parte, contagia adultos e crianças e não se vê. Por causa dele, e ainda que a primavera não […]

17 de abril de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos Minímos contos, mínimos

Ler Mais

Carta ao chefe

Querido chefe, Desde que entrei para o time, tenho trabalhado incessantemente, sem me queixar uma única vez sequer, seguindo sempre suas diretrizes e orientações. Nunca questionei qualquer ordem que o senhor determinasse, e procurei cumprir minhas obrigações de forma exemplar. Mas, o senhor sabe, os tempos não andam fáceis. São muito cruéis estes dias em […]

16 de abril de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos anjo, chefe

Ler Mais

Cenário

A boneca de pano olha quieta, o pano de prato exibe o barquinho imóvel, a colcha de retalhos desfila seu tecido multicolorido. E a caixa azul de delicado veludo. O que dorme dentro dela?   Fios soltos de linha, a tesoura de pontas redondas, o lápis de colorir desenho, o carretel quase no fim, os […]

16 de abril de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Poesia artesã, cenário

Ler Mais

Os números

Um 2 ignorante percebeu outro dia que era a metade de 4, e isso o deixou deprimido. Não suportava ser a metade de nada. Seus pais tentaram minimizar a situação: Não pense que você é a metade de 4, mas o dobro de 1. Não é melhor assim? Como ele era um 2 pessimista, e […]

13 de abril de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos dobro, metade, números

Ler Mais

O sonho do peixe

Olhando o céu cheio de estrelas, sonha o peixe no aquário poder ser lua, e nadar livre no firmamento.   Agora passa uma estrela cadente, e o sonho vira realidade: lua e aquário girando no céu, peixe nadando no mar de estrelas.    

Ler Mais

As palavras que não são ditas

Há meses que só há silêncio em nossa casa. Nenhuma palavra sai de minha boca, nem da dela. Em algumas ocasiões ela se levanta e prepara o café; em outras, sou eu quem limpa a mesa e lava a louça. Por várias vezes nos encontramos no corredor do apartamento, compartilhamos a mesma mesa de jantar, dormimos […]

9 de abril de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos casal, palavras, silêncio

Ler Mais

Contos Mínimos # 271 a 280

271. E todos os povos do planeta, para comemorar a chegada do quarto milênio da nova era, se ajoelharam e deram graças ao deus Google Todo-Poderoso, o criador supremo de todas as maravilhas. 272. De acordo com o que se vê e se ouve por aí, um imbecil é um imbecil que não tem dinheiro. […]

8 de abril de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos Minímos contos, mínimos

Ler Mais

O lado escuro do amor

– Eu amo você – disse a ela. – Em que sentido você me ama? – ela me respondeu com outra pergunta. – Como, em que sentido? Não entendi. – O que você quer dizer quando diz que me ama? – Eu quero dizer que amo você, não há outro sentido. – Você poderia ser […]

7 de abril de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos amo você, amor

Ler Mais

Perdas

Com as mãos na cintura e um grande desânimo nos olhos, ele olhava o campo e não conseguia acreditar no que via. Tanto tempo de trabalho, tanto esforço, tanto sacrifício que essa gente fez, de sol a sol, todos os dias controlando a colheita, e agora isso: o granizo e o vento destruíram mais da […]

6 de abril de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos perdas

Ler Mais

Cada um, cada um

Com os lábios apertados ela solta primeiro um trinado fino e quase inaudível. À primeira vista parece que foi uma reação ao acaso, solitária, mas aqui em casa sabemos todos que isso foi só o começo e ela passará longas horas cantando. Nós, os demais, seguimos com nossa rotina diária. Papai continua a fabricar os […]

2 de abril de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos cada um, passarinho

Ler Mais

Balada do homem horrível

Não sou uma pessoa em quem se possa confiar. Também não sou o que você busca, perdoe-me: sou um viciado, um assassino, um enganador, um ladrão, uma fraude. Não sou um homem bom. Manchei a honra de pessoas decentes. Desfiz casamentos felizes e me orgulhei disso. Matei recém-nascidos. Violei e torturei mulheres. Condenei inocentes a […]

1 de abril de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Poesia escrever, homem

Ler Mais