Close

Arquivos Mensais: maio 2015 [f2015Thu, 28 May 2015 18:05:04 +000005pm312015 28America/Sao_Paulo 28pm31pm 28201504 pmThu, 28 May 2015 18:05:04 +0000q00000005v201504 05America/Sao_Paulo504pm0504]

Tática

Quando o exército deixou de apoiá-lo, o marechal não teve outra opção a não ser renunciar ao cargo. No dia seguinte, os jornais e as televisões anunciaram a queda do mandatário e mostraram o povo comemorando nas ruas, saudando o novo líder e vaiando o antigo ditador. Olhando as imagens pela TV, o velho presidente […]

28 de maio de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos tática

Ler Mais

Blá-blá-blá

Não se preocupe, Almeida. Eu não quero que você tenha nenhum problema na cabeça. Não, fique tranquilo, a razão é que não existe nenhuma razão, procure entender que a coisa agora funciona de outra forma. O mercado, hoje em dia, está mais dinâmico e volátil e, apesar da marolinha que desabou sobre nossa empresa, pense […]

27 de maio de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos blá-blá-blá

Ler Mais

As muitas mortes de Francisca

Francisca morreu ontem. Quando morre Francisca, não é só Francisca, ela própria, quem morre. Morre a filha de Antonio e Adelina. E a irmã de Joaquim. E a melhor amiga de Luísa, a companheira de passeios pelo parque quando era verão e o sol demorava a se pôr. Morrem também, quando Francisca morre, a amiga […]

26 de maio de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos Francisca, morte, mortes

Ler Mais

As emoções

Nesses tempos duros de energia racionada, todos ficamos felizes com a nova máquina que os cientistas inventaram: os transformadores de emoções em energia limpa, não poluente e muito eficaz. Agora não nos falta nada em casa. Nossas emoções valem dinheiro e é com elas que temos sobrevivido. A incontrolável raiva de papai, por exemplo, represada […]

25 de maio de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos emoções, energia, medo

Ler Mais

Contos Mínimos # 301 a 310

301. Quando o robô perguntou com sua voz metálica “por quê?”, os homens do serviço de manutenção imediatamente o empacotaram e puseram nele a etiqueta: “Para reciclar. Urgente”. 302. Dei ao velho umas moedas que tinha no bolso, para que pudesse tomar um prato de sopa quente. Seu olhar, entretanto, mostrava que sua fome não […]

24 de maio de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos Minímos contos, mínimos

Ler Mais

Silêncios

É raro, mas às vezes sinto vontade de abrir minha caixa de silêncios e escutá-los de novo. São tantos, são vários, são tão presentes! Há silêncios de todas as cores e matizes, de todas as situações e momentos, de tantos dias acontecidos e deixados de lado, ah, o tempo que não perdoa! Há – tenho […]

22 de maio de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos silêncio, silêncios

Ler Mais

Madeleine

Foi amor ao primeiro toque. Eu estava distraída, pensando que estava louca para fazer aquilo, quando sua mão começou a percorrer minhas costas. Primeiro a ponta dos dedos, depois a mão inteira, espalmada. Senti um arrepio e fiquei inteira trêmula. Ninguém me havia acariciado assim antes, com tamanha delicadeza e, ao mesmo tempo, com tanta […]

21 de maio de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos saciado, toque

Ler Mais

O sopro criador

Largou sobre a mesa o copo de cerveja sem terminar. Saiu do bar. Ar puro, necessito agora, disse para si mesmo. No fim da ladeira o céu preparou para ele um tapete púrpura, que se estendia até o horizonte. Não pretendia chegar tão longe, mas agradeceu intimamente a vista generosa que o firmamento lhe oferecia. […]

19 de maio de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos criador, sopro

Ler Mais

Francisquinho

Se eu correr e chegar à esquina antes do carro vermelho, meu pai vai sobreviver. Ele está agora no hospital para ser operado. Dois médicos e várias enfermeiras estão lá com ele. Tenho que chegar à esquina antes daquele carro. Não é a primeira vez que salvo alguém da minha família. Quando meu irmão menor […]

15 de maio de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos infância

Ler Mais

Caridade

O padre está surpreso e muito feliz com os fiéis que dão esmola ao mendigo sentado na porta da igreja: Como essa gente é generosa, graças a Deus! O bispo, sem disfarçar as lágrimas, contempla o chapéu do indigente, cheio de notas e moedas: Que Deus abençoe tantas almas solidárias! O prefeito está igualmente orgulhoso […]

15 de maio de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos caridade, mendigo

Ler Mais

O dever

Os dois homens divergiam. Amigos desde sempre, e agora esse impasse. Então me dê pelo menos um motivo para continuar. Nós podíamos fingir que houve um erro e tudo estaria resolvido, Celso era pessoa de decisões rápidas. Ele e Paulo lavavam as mãos, olho no olho no espelho sobre a pia. Tempo para perder não […]

14 de maio de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos dever

Ler Mais

Museu

Estou farto de tanto museu, farto de ver sempre a mesma coisa. É um verdadeiro suplício, uma tortura que não tem fim. Eu não quero ir, mas eles sempre vencem e acabam me arrastando, mesmo que eu proteste e faça de tudo para ter um pouco de paz. A mim, para dizer a verdade, os […]

13 de maio de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos museu

Ler Mais

Nuvem negra

Hoje me pesa tudo. Pesa-me a vida, até a alma, sempre tão etérea, me pesa. Não conversei com ninguém, nem com as samambaias, porque me pesam as palavras – elegê-las. Fugi dos pensamentos, porque os pensamentos pedem ação, e as ações pressupõem escolhas, e toda escolha é ao mesmo tempo vida e morte – a […]

12 de maio de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Poesia medo, nuvem

Ler Mais

Os cadernos

Sempre diremos tudo um ao outro, inclusive o que não for bom. Mesmo o que for desagradável deve ser dito. Porque calar é perigoso. Não nos separe o silêncio, nunca. Assim foi o pacto que fizeram Carlos e Isabel, tão logo se descobriram apaixonados e dispostos a viver juntos vida afora. Tem a minha palavra, […]

11 de maio de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos cadernos

Ler Mais

Inocência roubada

Mesmo agora, depois de tudo acabado, a garota ainda tem dúvidas. Arruma o vestidinho amarrotado e pergunta ao pai: – É verdade, papai, que o senhor ainda gosta de mim? – Claro, você é meu tesouro. O papai ama você. A garota limpa as lágrimas com as mãos e começa a se pentear sozinha. O […]

7 de maio de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos garota, inocência

Ler Mais

Contos Mínimos # 291 a 300

291. Celeste enveredou pela rua que dava na Porta do Triunfo. Hoje anda com o nariz empinado. Reginaldo, com passo firme, cruzou a Praça do Desengano – e se arrependeu amargamente. Maria foi na direção da igreja, primeira à direita. Tornou-se repositório de preconceitos e maledicências. Henrique, ávido por conhecer o mundo, não foi capaz […]

4 de maio de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos Minímos contos, mínimos

Ler Mais

É um bolero, mas poderia ser um tango

– Eu disse a você para não voltar aqui. – É verdade. – Que nem pensasse em colocar os pés nesta casa novamente. – Certo. – Que se você aparecesse de novo, eu atearia fogo em você. – Sem dúvida nenhuma. – Que eu preferia morrer a viver um só minuto a mais com a […]

3 de maio de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos boca, casal

Ler Mais