Close

11 de setembro de 2018

A minha dor é maior que a sua

Ele se enrola como um novelo sobre o piso frio e começa a tremer: isso é, basicamente, o que faz o modelo número 1, senhor. Posso garantir que impressiona quem o vê, e também deprime. O número 2 também se enrola e treme, com um diferencial: emite gemidos entrecortados por pequenos gritos, deixando de cabelo em pé todos os que estiverem por perto, peço desculpas pelo clichê. Custa um pouco mais caro do que o modelo 1, mas compensa o investimento. O número 3 é o mais avançado. Faz tudo o que fazem os modelos 1 e 2 e há o bônus de lágrimas em abundância, hiper-realistas, que farão estremecer até os corações mais empedernidos — outro clichê, peço desculpas novamente. Como eu ia dizendo, o modelo 3 é o que há de mais moderno em termos de desolação e miséria. Todos os modelos têm garantia de cinco anos incluída no preço, além da manutenção e troca de peças quando necessário. Pode confiar, senhor. Se sua intenção é encontrar alguém mais infeliz que a sua pessoa, sua busca terminou: os modelos que temos são o remédio ideal. Sua azeda e miserável existência parecerá um paraíso diante do que nossas criaturas podem proporcionar.

 




Tags:, , ,

11 de setembro de 2018 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/mbaggio/" title="Visualizar todas as postagens por Mario baggio" rel="author">Mario baggio Contos dor, existência, lágrimas, miséria

               
              
            
                

Deixe um comentário