Close

15 de maio de 2015

Caridade

mendigo_velho

O padre está surpreso e muito feliz com os fiéis que dão esmola ao mendigo sentado na porta da igreja: Como essa gente é generosa, graças a Deus! O bispo, sem disfarçar as lágrimas, contempla o chapéu do indigente, cheio de notas e moedas: Que Deus abençoe tantas almas solidárias! O prefeito está igualmente orgulhoso de seus cidadãos: O povo dessa minha cidade tem o coração de ouro.

O gari, que varria a escada da igreja depois da missa, foi o único que se aproximou do mendigo, o bastante para perceber que ele tinha morrido sentado ali: Esse aqui já era. Olhou para o chapéu e pensou: É, pelo menos tem um dinheirinho para pagar o caixão.

 




Tags:,

15 de maio de 2015 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos caridade, mendigo

               
              
            
                

Deixe um comentário