Close

19 de agosto de 2016

Gotas de Paixão

maestrina2A maestrina levanta os braços para começar. O aroma Gotas de Paixão invade o ar e inebria todos os componentes da orquestra. O clarinetista se confunde e entra fora de ritmo, embriagado pelo perfume. Com um olhar duro e a batuta firme, o deslize é corrigido a tempo pela regente, sem que a audiência perceba. O saxofonista e o trombonista trocam olhares de cumplicidade, atentos ao momento em que devem entrar, mas acabam entrando fora de hora, comprometendo o andamento do concerto. O trompetista faz cara de decepção: perdeu a deixa, desafinou e quase põe tudo a perder. O mesmo aconteceu com o da tuba e o do bombardino, que agora exibem cara de pateta. O pianista sorri amarelo e faz malabarismos com as mãos, tentando disfarçar que estava dois compassos atrasado. O primeiro violinista faz o que pode para salvar a apresentação, contorcendo-se com o instrumento no ombro.

A tensão cresce entre os componentes, e uma tragédia está prestes a acontecer no palco. A maestrina movimenta os membros com energia, e o aroma Gotas de Paixão agora invade o auditório. Todos fixam os olhos nela, entontecidos. Fim do primeiro movimento. Ela baixa os braços. Por um segundo faz-se silêncio de morte na plateia, mas logo os aplausos estrepitosos encheram o teatro. Sublime!, Estonteante!, Embriagador! foram os adjetivos mais ouvidos entre os presentes. A maestrina sorri e agradece com um leve aceno de cabeça.

O segundo movimento vai começar, os componentes ajeitam as novas partituras no pedestal e aguardam compenetrados o comando da regente. O público está expectante. A maestrina entra e se coloca na frente da orquestra. Ergue os braços, Gotas de Paixão no ar.

 




Tags:, , , , , , , , ,
              
            
  1. De fato, um texto inebriante… Hoje à noite estarei na Capela Santa Maria, um espaço de concertos aqui em Curitiba/PR, e agora, por causa do seu texto, ficarei na expectativa do aroma de Gotas da Paixão (rs).
    É fantástico como um texto pode transformar a maneira como vemos nossa realidade, e até ressignificar nossas lembranças mais saborosas!

    Obrigado.

    • Caríssimo Rafael, obrigado pelo comentário. Tenha um bom concerto hoje à noite. Se for uma maestrina, e ela estiver usando Gostas de Paixão, prepare-se! Hehe, abração.

  2.     
                        
              
            
                

Deixe um comentário