Close

5 de junho de 2020

Juramentos

Todos sabem o que se diz

desde tempos imemoriais:

— nunca deixem de cumprir

o que foi jurado diante de Deus.

 

O resto é vão.

 

Não jurem pelo céu, esse elemento desacreditado,

cheio de lixo sideral e poluição,

nem pela terra encharcada de veneno alimentar,

onde meninos com mochila escolar são abatidos a tiros

ou caem de janelas por descuido e negligência.

 

Tampouco jurem por sua cabeça,

que a sua cabeça não vale uma moeda

e pode ser cortada

sem que decretem um motivo.

 

Economizem palavras, por prescindíveis:

digam simplesmente “sim” ou “não”.

Dizer mais para quê?

 




Tags:, , , , , , , , , , , , , ,
               
              
            
                

Deixe um comentário