Close

6 de abril de 2016

O menino e o rio

rio3Sob a luz alaranjada do entardecer, o rio cumpre sua sina de buscar o mar. Faz sua tarefa com propósito e obstinação. Inunda os vales, ladeia os montes, abastece os charcos e segue seu caminho. Numa das margens está o menino, pensativo.

— Boa tarde, Rio Destemido.

— Boa tarde, Menino Cabisbaixo. Sua visita é inesperada. O que faz aqui?

— Passeio. Penso.

— É bom pensar. Mas nem tanto. Não seria melhor que estivesse com seus amigos, se divertindo, Menino de Olhos Turvos?

— Seria, Rio de Espanto, mas eu não estava com vontade. É sempre jogar bola e conversar besteiras. Sempre a mesma coisa. Ando cansado disso.

— Mas se essa é justamente a sua alegria, Menino da Tristeza! Correr, saltar por aí, andar livremente, como qualquer outro menino de sua idade.

— Eu sei disso, mas hoje, especialmente hoje, quis passear aqui, ouvir sua música, sentir o frio e a força das suas águas. E pensar um pouco na vida. E no futuro. E me ver refletido no movimento de seu espelho. Hoje o desassossego inundou minha alma, como sua correnteza inunda tudo por onde passa, Rio Infinito.

— Meu movimento é só um rascunho da vida. A vida, ela mesma, está além das minhas margens, nos lugares a que não posso chegar. Aqui a vida tem limites. Acredite em mim, Menino da Sabedoria: nestas margens em que vivo e canto há só um esboço úmido do que a vida pode ser. Essa luz alaranjada é um arremedo, não é a vida e também não é o futuro. Mas você ainda é muito jovem para pensar nisso.

— Mas esse arremedo, pra mim, é uma fonte de inspiração. Ver as águas correndo é o mesmo que olhar a vida correndo e seguindo seu curso. Esse é o seu propósito, Rio Extraordinário, buscar e encontrar o mar. O meu, ainda tenho que descobrir. Não sei onde está o meu mar. Por isso venho passear e pensar aqui.

— Se é assim que pensa, então olhe pra mim, Menino Sonhador. E venha quando quiser. Não sairei daqui, nunca. Olhe pra mim, escute minha cantiga e você saberá como vai a sua vida.

— Obrigado, Rio Grandioso.

— Por nada, Menino-rio.

 




Tags:, , , ,

6 de abril de 2016 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/" title="Visualizar todas as postagens por " rel="author"> Contos futuro, mar, menino, rio, vida

              
            
  1.     
                        
              
            
                

Deixe um comentário