Close

19 de agosto de 2018

O ruivinho

Dos dois filhos que brincavam no chão da sala, Alice tinha certeza apenas do ruivinho. O outro ela nunca tinha visto na vida. Depois de pensar bastante, concluiu que foi na saída do supermercado. Com o tanto de gente entrando e saindo ao mesmo tempo e o barulho dos carrinhos se chocando, ela acabou trocando o filho mais velho, que agora deve estar em alguma casa que não a sua. Não se importou. Cuidou do ruivo e do menino estranho durante três anos, confiando que os outros pais cuidariam do seu da mesma maneira.

No dia do passeio no parque de diversões, dezenas de crianças corriam e brincavam. Na pressa para voltar para casa, Alice percebeu que trocou os dois meninos por uma menina e um pretinho. Paciência, pensou. Agora sou sua nova mamãe, disse aos dois novos filhos. Cuidou deles por mais de dez anos. Um dia, ao voltarem da escola, ela percebeu que estavam transformados. A menina, agora moça, tinha virado um rapazinho que falava inglês, e o pretinho era agora um jovem com óculos e todo o jeito de autista. Alice achou difícil estabelecer comunicação com este último, mas se esforçou e conseguiu. Pensando que a vida era assim mesmo, cheia de alterações e mudanças a toda hora, deu-lhes abrigo e carinho até terminarem os estudos. Viveram anos felizes.

Na cerimônia do casamento do filho que falava inglês, os padrinhos — seu pseudoirmão e a namorada — foram substituídos por duas moças gêmeas. Sorridentes e muito bonitas, por sinal. Alice gostou de vê-las no altar, ao lado dos noivos, tirando fotos.

Agora, já no leito de morte, ela não tira os olhos da porta: espera que entrem no quarto dois homens estranhos, que há muito não vê, e que sejam os seus verdadeiros filhos, aqueles que pariu em sua juventude. Não vê a hora de ver o ruivinho novamente; Alice tem certeza de que ele se tornou um moço bonito.

Assim poderá se despedir deles em paz. Deles e deste mundo, que está ao contrário e ninguém reparou.

 




Tags:, , ,

19 de agosto de 2018 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/mbaggio/" title="Visualizar todas as postagens por Mario baggio" rel="author">Mario baggio Contos contrário, filhos, mundo, ruivinho

               
              
            
                

Deixe um comentário