Close

20 de março de 2017

Os pescadores e o mar

Os filhos dos pescadores são órfãos de pai desde que nascem. Perdem a cada dia a referência do homem da casa, que trabalha muito, volta cansado e dorme de imediato, já que no dia seguinte precisa estar desperto antes do sol. Esses filhos só conhecem o amor da mãe, a voz da mãe que os nina, a mão da mãe que faz a comida que os alimenta. Obedecendo a uma ordem ancestral, as crianças cumprem fielmente seu estranho destino feito de mar e peixes. Quando crescerem, terão filhos que igualmente não os conhecerão e esposas que, melancólicas e resignadas, cuidarão sozinhas daquilo que pariram. Alguns põem a culpa na genética. Outros sabem que o culpado é o mar.

 




Tags:, , ,
               
              
            
                

Deixe um comentário