Close

15 de fevereiro de 2020

Penélope

Cinco horas depois de tatuar em seu ventre o nome do amado,

três horas depois de saber-se abandonada por ele para sempre,

só uma dúvida

e a angústia da ponta gelada da agulha a atormentavam:

fechar-se para o amor de outros homens

até a chegada,

por ora impossível,

de alguém com o mesmo nome dele,

ou

acorrentar-se a um tear

e tecer, tecer, tecer,

multiplicar por milhões os fios

do interminável véu sobre Ítaca?

 




Tags:, , , ,

15 de fevereiro de 2020 < a href="http://homemdepalavra.com.br/author/mbaggio/" title="Visualizar todas as postagens por Mario baggio" rel="author">Mario baggio Poesia nome, penélope, tatuar, ventre, véu

               
              
            
                

Deixe um comentário