Close

mirada

À margem duma estrada

Sentada no chão na beira duma estrada, uma mulher chora. Não a incomodam a poeira sobre os pés e o vestido nem o vento que lhe desalinha os cabelos. Olha para longe, para onde a estrada não termina. Seca as lágrimas com as costas das mãos, inutilmente: seus olhos não param de verter água. Não […]

Ler Mais