Close

quarto

Vamos mandar Bukowski à merda

Eu estava me comportando muito bem, mesmo numa situação improvável como aquela. Sentada na poltrona da frente, ela cruzou as pernas de maneira lenta e calculada, deixando entrever que sob a minúscula saia havia uma calcinha negra à espreita. Tomou um gole de uísque e me disse: Estamos aqui neste quarto, como naquele conto de […]

Ler Mais

Gol!

Olhos fixos na televisão, os dois casais acompanham o jogo de futebol. É final de campeonato, os homens estão tensos, nenhum gol foi marcado até o momento. As mulheres trocam olhares e, como das outras vezes, pretextam algo para deixarem a sala. Sempre que havia futebol, os quatro se reuniam, mas elas logo se cansavam […]

Ler Mais

O presente

Enquanto os adultos fazem a obrigação comparecendo com caixas de camisa ou sapatos que ele nunca usará, Camilo se aproxima do avô, dá-lhe um beijo no rosto e lhe estende um pequeno embrulho: — Aqui está, vovô, esse é o meu presente para o seu aniversário. Pode abrir, sei que o senhor vai gostar. É […]

Ler Mais

O passado presente

Quem lá entra logo sente o perfume de alfazema. Dona Agnes faz questão de cuidar ela própria do quarto de Celso, seu único filho. Tira o pó dos móveis, encera o chão, lava e passa colchas e cortinas. A cada ano manda renovar a pintura das paredes e sempre há uma toalhinha nova para enfeitar […]

Ler Mais