Close

xícara

Os dias não estão para desperdício

Desde menino ouvi de meu pai que, quando aquele líquido estranho saísse dos meus olhos, deveria cobrir o rosto com as mãos e correr para lavar a cara e me esconder. Foi só aos vinte anos que me atrevi a provar o gosto. Passei vinte anos de minha vida chorando chá verde sem saber! Hoje […]

Ler Mais

André e o coração de espuma

A máquina de café mostrou que ainda estava viva e soltou um rugido por todo o bar. Os clientes não sabiam que dentro dela um dragão quase verdadeiro aquecia as bebidas com sua língua de fogo e fazia o cafezinho de lá ganhar fama. Era o melhor da cidade, diziam. Só André conhecia esse segredo, […]

Ler Mais